14 julho 2009

Entre putas e cacos...


TABARIZ...
Uma novo caminhar da Cia do Chapéu....
Obra do autor zeloso Luis Sávio de Almeida e do compositor provocativo Mácleim...
Estórias e Histórias se cruzam entre dores e amores...
Amor não consola o coração,
de quem nasce amargurada...
Eu sigo na vida vivendo,
amando sem ser amada...
Sou uma roupa lavada,
pendurada no varal...
Que o vento bate e suja,
no rolo do vendaval...
Sou um pedaço de vida,
pingando em maresia,
um pedaço de tecido que já foi fantasia...
Se gemo, gemo tristonha...
Como geme uma fronha, que não tem mais serventia...
Como geme o lençol,
em que o amor se acabou...